Desconstruindo a visão sobre a Hipnose

Talvez muita gente ainda tenha a visão de que a hipnose consiste na prática usada em palcos, em que a pessoa fica "fora de si", recebe qualquer comando e executa, além de realizar coisas contra sua vontade. Mas não, a hipnose está muito além desse uso deturpado e duvidoso. A Hipnoterapia e o Hipnodrama, uso terapêutico da hipnose aliada a outras técnicas, consiste em um conjunto de saberes que busca através do uso focado da atenção do atendido ressignificar memórias, acessar novos padrões internos, fortalecimento interior, expressão, aproximação com a sabedoria interior, dentre outras possibilidades.


Importante saber que:

1. A pessoa em transe fica consciente durante todo o processo, conversando com o terapeuta;

2. Esse transe consiste em um estado de relaxamento e atenção focada, utilizando-se a respiração, imaginação, sentimentos e sensações;

3. Trabalha-se dentro do limite de cada um;

4. Os resultados são muito bons, trazendo alívio, bem estar e a construção de novas relações consigo mesmo;


Meu estudo e aprofundamento são voltados para a Hipnose Erickssoniana. Esse tipo de hipnose consiste, de forma resumida, em formular uma terapia para cada atendido, conexão genuína com o cliente e seu mundo exterior e interior, outras possibilidades de sugestões para ajudar o cliente, condução de transes seguros e ritmados, entre outros.

Importante relatar que o estado de transe é comum também no nosso dia a dia, como quando ouvimos uma música e nos deixamos levar, quando nos concentramos fortemente em um filme, em momentos de contato religioso ou meditativo, espontaneamente...


Caso você tenha interesse em vivenciar essa terapia, entre em contato comigo.

Você será muito bem vinda (o)!

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo